Chapter 02: Strange Setback

Ir em baixo

Chapter 02: Strange Setback

Mensagem por Vinyl Scratch em Ter Mar 20, 2012 3:36 pm

Aqui está a segudanda aventura do pessoal e como eles se viraram no novo mundo estranho que é Karthilus.

Spoiler:
Alice leva o grupo de aventureiros ate uma estalagem ali perto chamada Casco Negro para descansarem.

Entrando na estalagem pagam o dono e vão para um quarto onde caiem imediatamente no sono.

Enquanto isso em Equestria, Smithy John entra na casa de Aisla a procura de seus companheiros, porem só acha um caldeirão com um ótimo cheiro.

John vai ate o caldeirão e quando menos percebe esta caindo de um arvore em um local totalmente diferente.

John chaqualha a cabeça e entra na estalagem procurando descobrir aonde estava.

Enquanto isso Tommy acorda com um barulho do lado de fora, acorda Blade que estava dormindo profundamente, cumprimenta Aisla que se aprontava e descia para ver oque tinha causado o barulho que havia ouvido, Blade e os outros descem com ele.

John avistava seus amigos surpreso e sai correndo perguntando como diabos eles haviam parado lá.

Aisla com sua expressão serena responde.

Aisla Adamina diz:
Uma poderosa magia, mas não importa agora.

Smithy John diz:
...Bem, e como faremos pra voltar?

Blade Storm diz:
É isso que estamos tentando descobrir John.

Smithy John diz:
Bem, e o que vocês sabem até agora?

Aisla Adamina diz:
Que temos que auxilium esta fillie, só isso que sabemos

Smithy John diz:
Então, temos que auxiliá-la como?

Tommy Vekep diz:
Levá-la ao templo da lua ...*fala se intrometendo*...Prazer em conhecê-lo senhor, sou Tommy Vekep, e o que estavam falando de poção?

Smithy John diz:
Prazer, Jonnathan Banks Smith, as pessoas me conhecem como Smithy John... *olha para a criatura que se assemelhava com um pônei, mas era coberto de escamas, seus olhos eram fendados e suas asas eram incomuns para um pônei* E o que exatamente você é?

Tommy Vekep diz:
Sou um meio dragão, não tem isso da onde vocês vem?

Smithy John diz:
Hã... não me lembro de ter visto um, e isso me remete a outra questão... Onde estamos?

Tommy Vekep diz:
Na cidade de Ellioria...

Smithy John diz:
E que parte de Equestria é essa? *pensativo*

Tommy Vekep diz:
Nunca ouvi falar de Equestria meu caro.

Smithy John diz:
Hã... você tem algum estudo? Não sabe o nome do continente onde vivemos? *puxa um mapa e começa a mostrar para Tommy*

Tommy Vekep diz:
Esse mapa não faz sentido...nenhum desses lugares existe.

Tommy Vekep diz:
E o nome deste continente é Kartilhus.

Smithy John olha para Blade.

Smithy John diz:
O que aconteceu com Equestria? *começa a ficar desesperado*

Blade Storm olha para John se sua cara de desespero. Chega mais perto dele e poem sua pata dianteira no ombro de John.

Blade Storm diz:
Acalme-se John. A pergunta não é o que aconteceu com Equestria e sim em que lugar estamos... O que mais temo é que seja um lugar bem longe de nossa terra natal...

Smithy John diz:
Mas como poderíamos viajar pra longe sem nenhuma máquina ou sem voar?

Aisla Adamina diz:
Melhor irmos logo, e não dar chances para o hostium..

Smithy John diz:
Mas... algum de vocês sabe onde fica o templo da lua?

Alice diz:
Concordo.. *ela ia para o balcão, olhando para o atendente, que logo entregava para ela um saco de pano grandinho*

Blade Storm vai para perto de Alice e a poem nas suas costas. Depois vira o olhar para John.

Blade Storm diz:
Se alguem de nós sabe é nossa pequena amiga aqui.

Smithy John começa a olhar pros pedaços de metal que estavam na sua mochila.

Smithy John diz:
Se pelo menos eu pudesse entrar no meu hangar, podíamos tentar ir voando...

Alice diz:
Sei...só seguir a trilha da saída norte da cidade, e ir para os caminhos certos..mas sei que placas seguir

Smithy John diz:
Bem, então vamos o mais rápido possível... Quero estar em casa o quanto antes...

Tommy Vekep vai ao atendente e pede algo para viagem

O dono do alojamento pedia 5 bits para os suprimentos

Chegando na saída, se via um monge em duas patas encostado na parede da saida, ele olhava Fixamente para Alice

Gaius Luster diz:
Não pode ser ela...

Gaius Luster se dirige aos componentes.

Blade Storm vê que o monge esta olhando fixadamente para a pequena filie, e vem na direção deles. Com isso ele faz um cara seria e toma um aposição defensiva.

Gaius Luster diz:
Bom dia senhores, posso perguntar o que fazem com essa Filly inconsciente ?

Aisla Adamina diz:
Dude what?

Gaius Luster diz:
Desculpem pelo erro, pensei que ela estivesse inconsciente, minhas sinceras desculpas.

Blade Storm diz:
Oque você quer?

Blade Storm diz serio.

Alice olhava para ele com um pouco de medo

Smithy John , com o martelo em punho, olhava perplexo para o pônei.

Gaius Luster diz:
Eu fui enviado para Filha da Lua para auxiliar essa Filly no caminho ao templo da lua

Blade Storm diz:
Por que?

Tommy Vekep diz:
Ora, para o templo do sol não transformá-la em churrasco...como ontem eles tentaram

Aisla Adamina olha com cara de "i see what you did there"

Smithy John relaxa um pouco ao perceber que se tratava de um novo aliado.

Smithy John diz:
Churrasco... isso me deu fome.

Smithy John puxa um sanduíche da mochila e começa a devorá-lo.

Blade Storm percebe que aquele pônei não e um inimigo e relaxa. Poem uma panta para frente para cumprimentá-lo.

Blade Storm diz:
Entendo.
Meu nome é Blade, Blade Storm. Como se chama amigo?

Gaius Luster cumprimenta recém conhecido Blade Storm

Gaius Luster diz:
Meu nome é Gaius Luster

Gaius Luster diz:
prazer em conhecer a todos

Smithy John acena com a cabeça.

Blade Storm diz:
Bem Gaius, mostre o caminho não podemos ficar conversando aqui no meio do nada enquanto essa fillie é perseguida.

Gaius Luster diz:

Entendo, bem, venham comigo e não se distanciem um do outro as redondezas são cheias de perigos

Seguiam um longo caminho, até o reino que estavam não ficar mais a vista, uma linda pradaria com um rio a cruzando era avistada, assim como uma carruagem abandonada logo no começo dela, que não estava ali antes de Gaius chegar

Tommy Vekep vai olhar na carroça em busca de loot


se notava que a carruagem estava nova, como se havia sido destruída de propósito ali

Smithy John avalia o estado da carruagem.

Alice os olhos dela começam a ter uma névoa esbranquiçada por dentro do olho dela

Blade Storm fica vigiando envolta para ver se não há ninguém ali por perto

Tommy Vekep diz:
Já passaram por aqui e fizeram alimpa, infelizmente...*fala para os outros*

Smithy John começa a retirar metais da carroça para usá-los posteriormente.

Blade Storm observa que a fillie começa a agir estranhamente. Ele olha para trás e diz:

Blade Storm diz:
Há algo de errado pequena?

Alice diz:
Muita magia por perto..muita.

Tommy Vekep ainda vasculhando os restos da carruagem em busca de algo

Smithy John diz:
Mas... onde?

se ouvia passos, mesmo sem nada estar a vista

Smithy John olhava para os lados, um pouco assustado.

Gaius Luster diz:
Algo está vindo, todos tomem cuidado...

em volta deles apareciam 2 Earth Poneys, 2 pegasus e uma Unicórnio, pelas vestimentas se notavam que eram larápios.
Os pegasus usavam adagas, os Earth poneys machados e a Unicórnio um livro

A ladina já olhava fixadamente para a Filly

Ladina diz:
"ora ora ora..parece que finalmente poderemos nos aposentar"

Blade Storm diz:

Quem são vocês?

Smithy John puxa seu martelo e se prepara.


Um dos mercenários dá um passo para frente

Mercenários diz:
"quem irá cavar a sua cova e a dos outros"

Gaius Luster diz:
O que vocês querem ?

Smithy John diz:
Poderiam ter se adiantado, assim as suas já estariam prontas pra quando acabarmos com vocês.

Blade Storm desembainha sua espada antes do mercenário terminar sua frase e toma uma pose de ataque.

Tommy Vekep percebe a confusão, se encosta nos restos da carruagem e prepara seu pipe


A ladina ia para cima do Tommy

Ladina diz:
Odeio quem fuma! *e ja deferia uma ataque rápido na direção de seu peito*

Tommy Vekep surpreendido com o ataque usa a fumaça para diminuir a velocidade do ataque e diminuir seu impacto

Tommy Vekep diz:
A fumaça é minha amiga...

O livro da unicórnia começava a folhear, ela se concentrava, formando uma lança de gelo que ia com tudo na direção de Smithy*

Maga diz:
e eu odeio tecnologia..a magia é suprema!

Smithy John puxa uma placa de metal para tentar desviar o golpe, mas a lança atravessa-a, atingindo-o com força.

A lança o acertava, despedaçando e deixando um rastro de gelo encima dele, que caia com a força de impacto

O Ladino pulava para cima de Blade

Ladino diz:
que seja, eu prefiro os Bits! *lançava um corte rápido na direção de seu rosto*

Blade Storm vê o golpe vindo e da um passo rápido para o lado, desviando do golpe.

Tommy Vekep diz:
É uma pena que você não goste do fumo minha cara, mas juntos podemos superar isso, não acha? *dá uma piscadinha soltando uma descarga de energia*

Blade Storm diz:
Não deixarei que leve esse troféuzinho assim facilmente amigo.

Ele dá um pulo para o lado

Ladino diz:
pois é...hoje não

Blade Storm Blade da uma agachada e sai correndo para o ladino que havia tentado atacá-lo.


Blade Storm passa um golpe horizontal pelo ladino, quando ele o atravessa uma lamina de raios verdes cai dos céus encima de seu inimigo.

Ele desvia do corte rindo:
-hahahaha! Você chama isso de golp- *ele então é atingido pelo raio na cabeça*...essa irei anotar

Smithy John diz:
É, de certa forma, triste ver uma unicórnia de mente tão fechada, mas eu vou te mostrar o que a tecnologia pode fazer...

Blade Storm da um sorriso com a observação do ladino.

Smithy John bate com sua marreta no chão, e une alguns pedaços de metal vindos de sua mochila à placa de metal destruída no chão, usando seu chifre, e uma criatura bruta de metal se levanta dos pedaços de metal.

O Mercenário com Capacete Viking rusha para cima do Monk
-Você só comem arroz...nunca aproveitaram a vida, não fará falta em nada!

Gaius Luster desvia facilmente da investida do Mercenário

Gaius Luster diz:
Você chama isso de investida, patético...

Ele sentia uma pancada como se uma parede estivesse aonde antes o Monk ficava
-mas...WHAT SORCERY IS THIS

* Maga o olhava*

Maga diz:
claro..coloca a culpa na nossa pessoa ¬¬

O soco bate com tudo no peito dele, que então saia da pose "assustada" e ficava todo pimpão
-ahaha! sem truquesinhos você é um nada monge!

Mercenário Capacetudo: diz:
-Ahahahaha, parece até uma form- *seu sarcasmo logo parava, com a joelhada que acertava lindamente a sua boca, derrubando-o para trás, sem intender o que o acertou*

Aisla Adamina mexia um pouco na grama, uma aura verde envolvia Tommy, que o fazia a dor do golpe que recebera diminuir


o Mercenário sem capacete ia para cima de Aisla
-Aaaa, vai fazer nossos esforços ser por nada no colo do Kapiroto!
*ele ataca-a de cima para baixo logo após ela curar

Aisla Adamina rola para o lado, acertando-a de raspão. logo ela levantava e tirava a grama do corpo como se fosse nada de demais

Mercenário não-capacetudo diz:
-oras sua...

Ladina diz:
-Você seu maldito....você vai BAFORAR FUMAÇA NA BUNDA DA DRAGÃO QUE É A VADIA DA SUA MÃÃÃÃÃÃÃE!
*o Golpeava com força atravessando mais da metade da lâmina, fazendo um corte bem feio*

Tommy Vekep diz:
Que falta de educação senhorita...

Ladina diz:
-Claro...e jogar fumaça na cara do outros.. É UMA BELA DEMOSNTRAÇÃO DE AMOR SEU *yay*

Tommy Vekep aproveita que está apoiado na carruagem, deita lá

Tommy Vekep diz:
Eu só fiz isso porque você tentou me atacar...

A unicórnia olhava para a pequena criatura*
Maga diz:
-aahh.. que bonitinho..mas infelizmente... *ela mirava na criatura, e jogava uma bola de gelo na direção dele*

Smithy John comanda sua criatura para defender-se, diminuindo muito o dano recebido.

Smithy John usa seu chifre para comandar sua criatura em direção à unicórnia, levantando seu braço direito para acertar um soco.


a unicórnia vendo o ataque vindo, não esperava a mão da criatura CRESCER 3 METROS e faz um escudo de gelo na frente de si, que se despedaça com o golpe, a acertando mas pouca coisa mais fraca, ela caia, muito ferida, e se levantava bem lentamente*
-seu...maldito

Smithy John diz:
E isso, minha cara, é o que a tecnologia tem a oferecer... *com um ar de superioridade*

O ladino tentava acertar uma rasteira *Tesoura* em Blade, mirando nas patas dianteiras

Blade Storm vê o pônei vindo tentando acertar uma rasteira nele, ele da uma risada e da um pequeno salto, o ladino passa por baixo de blade enquanto ele desce com a espada que deixava um rastro de raios verdes no pônei que estava embaixo.

Tommy Vekep deitado e quase dormindo ele tenta empurrar a ladina para longe com uma descarga psíquica


Ele tomava o golpe no peito, ficando "Chocado" com o que acabou de acontecer
Ladino diz:
sorte é para poucos..

Blade Storm diz:

Sorte? Isso aqui é técnica * Diz com um sorriso na cara*

Ela é jogada apara trás, caindo da carruagem e a adaga fincando no solo ao lado do rosto dela*
-sabia que deveria ter ido na garganta....*fala com ar de arrependimento*

Tommy Vekep diz:
Porque...tanta...raiva...hein?

Blade Storm levantada sua espada e lança um golpe em diagonal, quando o golpe termina , outro raio cai sobre seu inimigo


Ladino diz:
-ugh...torça para ter tanta "técnica" na próxima....

Smithy John puxa um foguete de sua mochila e o aciona, mirando na unicórnia que mal podia se mover.

Ela toda arrebentada, olhava o míssil vindo em sua direção e batia com a pata na lateral do mesmo, que rodopiava e caia longe, explodindo.

Maga diz:
como digo...tecnologia não é nada

Smithy John diz:
Se não fosse, a senhorita não estaria na situação em que está, não é mesmo?

apenas sorria, sem responder

Mercenário capacetudo tentava dar uma cabeçada na Aisla, com um dos chifres do seu capacete

Aisla diz:
Ela pulava, se apoiando no chifre dele com apenas uma pata, se mantendo equilibrada ali
-Bárbaros...como pensar sem um cerebrum..


Gaius Luster corre em direção à Ladina salta e disfere um soco bem no peito dela

Ela arranca a adaga do chão e rola para o lado, aonde Ross acertava abria uma cratera de terra, a carruagem fica com a metade para dentro dela e a outra para fora.
-Monges são covardes agora?

Gaius Luster diz:
Não bato em pessoas em desvantagem

Ladina diz:
-não pareceu...*levantava olhando a cratera*

Aisla Adamina se apoiava nas costas dela e pulava ao lado de Tommy, curando-o novamente

Tommy Vekep diz:

Obrigado Aisla, você está fazendo meu dia muito melhor...*pega o pipe e da uma fumada*

O Mercenário corre na direção da maga e da uma poção
-ainda não

A ladina lançava a adaga contra o robô em uma rápida investida
-Better nerf Blietzkrank!

A Adaga acerta bem no encaixe do seu robô, fazendo-o explodir na cara de John, tomando todo dano excessivo da adaga, que voava e se ficava não muito longe dela

Smithy John é jogado longe pela explosão, caindo deitado há alguns metros dali.

A unicórnia sorria satisfeita

Maga diz:
-por isso não se deve confiar nesses maquinários.. *ela novamente preparava a bola de gelo, lançado-a contra John*

Smithy John ergue sua perna mecânica e coiceia a bola de gelo, desintegrando-a.

Mercenário capacetudo vai correndo furiosamente para cima do John
-vê consegue Desviar com coice ISSO AQUI

Ele dá uma cabeçada no John, o arremessando contra a carruagem, fazendo-o atravessar ela e cair do outro lado, inconsciente

a Unicórnio pulava de alegria, batendo as patas
-eeebaa obrigadaaa~~

ele apenas dava um sorrisinho maroto

Tommy Vekep já melhor graças a sua amiga zebra, continua deitado aproveitando que já estava lá mesmo enquanto tentar acertar a ladina mais uma vez usando o poder da mente

Alice no meio da confusão ficava toda encolhida embaixo da carruagem

Tommy Vekep diz:
Você merece algo por ter me batido e ter atacado o bichinho de meu amigo, você com certeza não sabe viver em sociedade *faz uma bola de energia cair do céu batendo na bunda dela* Menina má.

Tommy Vekep vê que a batida mesmo sem força pegou ela sem jeito e ela caiu

Tommy Vekep diz:
Meu deus, o que foi que eu fiz!

Ela rodopia no ar com a pancada em seu flanco e capota dentro do buraco, na posição do yamcha

Blade Storm diz:
JOHN, NÃO! Você pagara por isso!

Blade Storm sai correndo para atacar o que derrubou o John, quando ele vê um ladino no caminho.

Blade Storm diz:
SAI DA MINHA FRENTE!

Blade Storm Blade da um corte em horizontal e atravessa o ladino como não tivesse nada na sua frente, deixando um rastro verde no local

ele sai capotando para trás, apenas na quinta cambalhota que ele para de kikar, ficando inconsciente

Gaius Luster desce a muqueta na boca da maga

(!) Ela caisa sentada para trás, revirando os olhos e ficando toda molenga

Gaius Luster diz:
MOLENGA HAHAHAHAHAHAH

Gaius Luster dá uma voadora no peito da sorcerer

Ele erra a voadora, capotando ao lado dela e fazendo um montinho na recém nomeada Yamcha, a sorcerer então capota inconsciente

Aisla mira na nuca do mercenário sem capacete, e atira com a zarabatana

o dardo fincava na nuca dele, ele apenas pegava o dardo e jogava para trás, achando que era alguma vespa ou algo assim

Aisla Adamina:

Tommy Vekep depois de utilizar muita força resolve bater naquele que atacou seu amigo

Mercenário Capacetudo apenas dava uma cambaleadinha, rindo
-foi refrescante!

Tommy Vekep diz:
Só estava testando para ver se você não caia também

Blade Storm continua correndo ate finalmente achar o mercenário que desmaiou o John.

Blade Storm diz:
Agora você não me escapa!

Blade Storm saindo correndo em direção, alça voo e com um limpo corte no ar deixa um rastro de raio verde atravessando o mercenário de capacete, quando o rastro desaparece um enorme trovão desce sobre o capacete do mercenário.
Blade Storm diz:

Hmph... até que você não é tão durão assim.

O capacete não ajudou nada e atraiu mais ainda a eletricidade, sendo eletrocutado sem dó, caindo no chão, com bastante fumaça saindo dele.

Aisa atira novamente contra a nuca dela, no pior das hipóteses, serve como um treino de mira

Ela acerta novamente o dardo no mesmo lugar, fazendo um dor muito forte

Mercenário diz:
MALDITAS VESPAS, EU- *assim que ele pegava o "ferrão" via que era um dardo, e olhava para trás muito zangado*

Aisla Adamina:

Mercenário vai correndo em fúria na direção de Aisla, com os com uma luz amarela densa

Aisla Adamina A Zebra pula para o lado e coloca a perna no lugar, fazendo-o comer terra

Aisla Adamina diz:
-ops...pareci estar preocupada? *sorriso safadinho*

Tommy Vekep continua deitado olhando para as nuvens agora enquanto entra na mente do mercenário, observando sua vida e fazendo com que Tommy apareça matando o cãozinho dele em sua lembrança...deixando-o espantado instantaneamente

Mercenário diz:
NÃAAAAAAO PUPPPPYYYYYYYYY

Blade Storm observa o mercenário restante em desespero e aproveita para desferir um golpe.

Blade Storm foi lançar um corte em vertical, mas calcula mal e erra.

Aisla Adamina aproveita que ele está desconsolado e só para ser troll atira no mesmo lugar

Mas a mira dela não foi tão boa, acertando o bracelete dele

Aisla Adamina =(

Mercenário diz:
MATE O MEU CACHORRO *se levanta pegando a espada*

Mercenário diz:
E EU TE KIKO NO COLO DO SATANÁÁÁÁÁÁÁS!]

Mercenário Corre com a mesma fúria que a da Aisla

Tommy Vekep continua deitado, apenas retardando o golpe usando sua mente o suficiente para não se machucar muito

Tommy Vekep diz:
Morre criatura do Satanás

Tommy Vekep usa a energia que usou para se defender para atacar o inimigo

ele ainda tomado pela raiva, segura o golpe com a cabeça, que o arrasta lentamente para trás, ele então inclina a cabeça com toda sua força, lançando a bola para trás, estourando no ar e distorcendo a visão aonde estourou a concentração telecinética

Tommy Vekep diz:
Bom, com a força é, mas medo seu coração tem

Mercenário o olhava com a CARA TRISTONHA

Mercenário diz:
Puppyyy

Blade Storm da um suspiro...

Blade Storm diz:
Bem, temos que acabar com isso logo.

Blade Storm sai em investida novamente.


Blade Storm da um golpe em horizontal e um passo para o lado, quando se ajeita em sua posição de luta novamente um raio verde desce dos céus e acerta seu inimigo.

Alice suspira, tediosamente preparando a zarabatana novamente

Aisla Adamina desiste, queria evitar a fadiga

Alice vinha, os olhos brilhando densamente, ela estando com o rosto inexpressivo, parando na frente do mercenário

Mercenário finalmente esquecendo do seu puppy, a olha assustado

Mercenário diz:
mas o que..

Mercenário era envolto de uma energia ofuscante, era levantado para o alto e jogado com tudo contra o chão, cavando-o até a metade, ficando só da cintura para cima visível no solo

Alice diz:
!


Alice ia correndo para baixo da carruagem novamente

Blade Storm incrivelmente impressionado com oque acaba de ver, sai correndo para a pequena filie e a pergunta surpreso

Blade Storm diz:
Pequena, oque foi isso?

Alice ela estava de olhos entre abertos, aparentando estar muito fraca, quase desmaiando

Blade Storm percebe que ela esta fraca e a poem em suas costas fazendo um carinho em sua cabeça

Blade Storm diz:
Relaxe por enquanto pequena, pode me explicar mais tarde...

Blade Storm olha para Tommy esperando ele dizer algo

Tommy Vekep se levanta lentamente

Tommy Vekep diz:
Odeio essas brigas, não são civilizadas

Tommy Vekep senta perto da ladina que ele brigara antes, pega um pedaço de papel, um pouco de tabaco, enrola e deixa perto dela com um recado escrito: "Foi ótimo minha linda, quem sabe conseguimos nos falar outra vez."
avatar
Vinyl Scratch
WOOB WOOB WOOB
WOOB WOOB WOOB

Mensagens : 65
Data de inscrição : 20/03/2012
Idade : 27
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum